Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Quinta Emenda

Tenho o direito de ficar calado. Mas não fico!

Quinta Emenda

Tenho o direito de ficar calado. Mas não fico!

PARABÉNS!

Por Eduardo Louro

                                                                      

Utilizam-se os parabéns para felicitar alguém por um feito. E um feito é um feito, é obra…Dão-se os parabéns, em português de Portugal. Parabeniza-se, no do Brasil!

Em Portugal dão-se também os parabéns pelo aniversário, enquanto a universalidade anglófona se fica pela manifestação de um voto de feliz aniversário: happy birthday! Reserva os parabéns – congratulations – para outros feitos… Fazer anos não é, apara eles, um feito!

Para nós, ao contrário, fazer anos, cumprir mais um ano de vida, é um feito. E, bem vistas as coisa, é-o!

É mais um ano de vida ganho e, nessa medida, dar os parabéns pelo aniversário é celebrar a vida. Todas as vidas, as vidas de toda agente, mesmo daquelas que poucos motivos de celebração têm para dar. Celebra-se mesmo quando a vida está difícil, quando o que está para trás foi duro e o que se adivinha para a frente não promete sorrir. Mas celebra-se e festeja-se porque afinal estamos vivos, e a vida é para isso mesmo. Para celebrar todos os dias, em todos os momentos…

A anglofonia limita-se ao tal voto de um dia feliz, e deixa de lado a vida. Celebra esse dia, não a vida, e até o cântico protocolar se limita a isso. Anda à volta desse voto de dia feliz e, por mais entoações que lhe aplique, não sai dali: happy birthday to youhappy birthday to you… happy birthday to you… Nós não. Nós celebramos o dia – hoje é dia de festa – mas acrescentamos-lhe alma, as nossas almas que cantam, e votos de felicidades para toda a vida, que desejamos longa. E não apenas para aquele dia!

Tudo isto apenas para, hoje, dar os parabéns à minha filha Joana, que cumpre já a madura idade de 33 anos. Os nossos parabéns – e não apenas happy birthday to you - com um dia feliz e de festa, em que cantam as nossas almas a uma vida que se quer longa e feliz. Um leãozinho – gosto muito de você leãozinho (parabéns também a Caetano Veloso, que faz hoje anos - 70 - vejam bem!) - que nasceu águia. Graças a Deus!

Acompanhe-nos

Pesquisar

 

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D

Mais sobre mim

foto do autor

Google Analytics