Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Quinta Emenda

Tenho o direito de ficar calado. Mas não fico!

Quinta Emenda

Tenho o direito de ficar calado. Mas não fico!

Não ou(vi). É só pelo que se diz...

Por Eduardo Louro

Imagem relacionada

 

Não vi o debate de que se fala, que de resto era mais para ser ouvido. Dizem por aí que desta vez Passos saiu por cima. Um bocadinho por cima, dizem uns. Suficientemente por cima para ganhar novo ânimo, dizem outros.

Passos continou a sua saga de mentira, dizem alguns. Os entrevistadores facilitaram-lhe a vida, dizem de outro lado. Parece que, sem programa da coligação para discutir, Costa se viu obrigado a responder sobre o seu programa, ficando Passos sempre livre para apenas atacar o seu adversário.

E parece que arranjaram um novo tema para os próximos tempos, provavelmente até ao fim da campanha. Se do último debate saiu para a ribalta a treta de quem é que chamou a troika - a que aqui se voltará em breve, porque vale a pena falar mais um bocadinho disso - desta, vai sair o tema dos sistemas não contributivos da segurança social, onde - dizem - Costa se engasgou.

Mas é o que dizem. Não ouvi, nem vi nada. Mas sei bem o que é que se diz... E sei bem quem diz o quê... E sei que alguns não têm vergonha nenhuma para dizer o que dizem! 

Rescaldo

Por Eduardo Louro

Imagem relacionada

 

Para os comentadores da coligação, e são tantos e tão espalhados - agora até Miguel Relvas (a TVI não deixa os seus créditos por mãos alheias: depois de contratar Rendeiro para comentar o BES e o Novo Banco, nada melhor que Relvas para comentar o debate político) -, o debate deu empate. Também para as Helenas - Garrido e Matos -, que são a mesma coisa. Não que sejam as duas a mesma coisa - não são! Mas são ambas, indisfarçavelmente, a mesma coisa que comentadores da coligação.

Dando coça (Ferreira Fernandes), sendo mais eficaz (Económico), ou simplesmente ganhando depois de sempre a perder (Pedro Santos Guerreiro), Costa, para quem tem a lapela livre, ganhou.

Os socialistas? Nem é preciso ouvi-los, basta olhar para a cara deles...

 

 

 

Qual empate, qual carapuça...

Por Eduardo Louro

Imagem relacionada

 

Por muito que muitos digam que deu empate, Costa ganhou. Não faço ideia se ganhou hoje as eleições, mas não tenho dúvidas que, mesmo sem ser particularmente brilhante e mesmo sem killer instinct - ficou-se pelo programa VEM, o que foi muito pouco para tanto por onde entrar a matar -  ganhou o debate. O que, pelo que lhe andavamos a ver fazer nos últimos tempos, é absolutamente surpreendente!

Acompanhe-nos

Pesquisar

 

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D

Mais sobre mim

foto do autor

Google Analytics