Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Quinta Emenda

Tenho o direito de ficar calado. Mas não fico!

Quinta Emenda

Tenho o direito de ficar calado. Mas não fico!

E depois do adeus

E depois do adeus – Há precisamente 42 anos |

Este texto publicado pelo JPT no Delito de Opinião, a propósito da canção símbolo do 25 de Abril interpretada pelo Paulo de Carvalho, "E depois do adeus", sugeriu-me o comentário que lá deixei, e que, porque me parece que muita gente poderá achar estranho que uma canção que, independentemente da sua qualidade dentro do género, nada tem de revolucionário, nem de subsversivo para o regime de então, seja símbolo do 25 de Abril, decidi partilhar aqui com os meus leitores.

Aqui fica:

""Gostaria de acrescentar à "história deste símbolo" um contributo que nunca vi referido ao longo de todos estes anos. Não consigo garantir que nunca tenha sido expresso. Se o foi, nunca me apercebi que o tivesse sido.
Foi a primeira senha utilizada pelo movimento. Para dar o sinal para a saída das tropas dos quartéis na madrugada do dia 25 de Abril de 1974. Por volta das 22.55 horas do dia 24, João Paulo Dinis, colocou-a no ar na antena dos Emissores Associados de Lisboa. Para que as canções pudessem funcionar com a precisão de uma senha secreta teriam que estar fora das "play list" da altura. Como primeira senha, com a ordem de avançar, seria arriscado utilizar qualquer uma das canções de intervenção, de fora por proibidas pela censura. Serviria facilmente de alerta para os ouvidos do regime. "E depois do adeus", como diz "no género, uma bela canção e muito bem interpretada", era de todo insuspeita. Nada tem de subversivo. Mas não podia constar da" play list" porque, na altura, como durante ainda muitos anos depois - e francamente não sei por imposição nacional, se da Eurovisão - as canções vencedoras do festival ficavam impedidas de passar na rádio antes do festival da Eurovisão. Independentemente das virtudes da canção, dos compositores e do intérprete, "E depois do adeus" seria muito provavelmente a única que poderia ser utilizada como senha de partida. Mais tarde, já com o movimento em curso, sem recuo possível, então sim -"Grândola vila morena".
Esta foi a minha leitura na altura - que vivi intensamente - e que também nunca expressara. E que achei apropriado fazê-lo a propósito do seu texto.""

Acompanhe-nos

Pesquisar

 

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Posts recentes

Arquivo

  1. 2024
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2023
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2022
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2021
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2020
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2019
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2018
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2017
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2016
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2015
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2014
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2013
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2012
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2011
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2010
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D

Mais sobre mim

foto do autor

Google Analytics