Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Quinta Emenda

Tenho o direito de ficar calado. Mas não fico!

Quinta Emenda

Tenho o direito de ficar calado. Mas não fico!

Ainda faltam 3 pontos... Ou já só faltam 3 pontos?

Por Eduardo Louro

 

 

Não gostei deste jogo, o primeiro dos três (ou dos dois?) que ainda separavam o Benfica do título.

As coisas não saíram bem, e o Benfica não fez um jogo à medida do que vinha fazendo. É certo que o Penafiel foi – e manteve-se sempre – uma equipa organizada, mas quase todas as outras que o Benfica defrontou o tinham também sido. E com casa cheia, com quase 60 mil em ambiente de festa, perante o último classificado, às portas da despromoção – donde acabou por se não livrar – ninguém esperava outra coisa que não uma grande jogatana.  

O primeiro golo, bem cedo como é costume, logo aos 8 minutos, na primeira jogada à Benfica, toda ela espectáculo, prometia mais uma dessas grandes jogatanas. Se o era, ficou por cumprir!

A primeira oportunidade tinha dado no primeiro golo. A segunda só não deu porque o árbitro assistente assinalou mal um fora de jogo ao Jonas, quando já tinha passado pelo guarda-redes. À terceira, á meia hora de jogo, o segundo golo. Mais um golo de autor, um golo à Jonas. Fantástico! Ainda mais duas oportunidades antes do intervalo, com o guarda-redes iraniano do Penafiel a opor-se bem ao remate de Jonas, e a barra a impedir mais um golo a Lima.

A esta altura pensará o leitor: “dois golos e mais três oportunidades e ainda se queixa. Exigente, o tipo”…

Talvez tenha razão, mas já não basta que o Benfica ganhe.  E a exibição do Benfica ressentiu-se do sub rendimento de Pizzi mas principalmente porque, sem Gaitan, Sulejmani não teve nada a ver com o que prometera em Barcelos, há oito dias. A equipa só teve uma asa, pelo regressado Salvio. 

Na segunda parte as coisas não melhoraram. Com Olá John e Talisca (o croata, em modo off e o argentino, farto de levar pancada, e em risco de quinto amarelo, tinham mesmo de sair) o Benfica ficou sem asas. Já se percebeu que o holandês não está muito virado para ser jogador profissional de futebol. Também há muito que se percebeu que o brasileiro não é jogador para as alas. O que não se percebe é a insistência de Jesus…

Ficaram as exibições de Jardel (em grande forma), Jonas e Lima. Mas também de Luisão, Samaris e Maxi. E o resultado, com mais dois golos, em apenas dois minutos (60 e 62), com Lima em ambos. A assistir o Pizzi no primeiro e a aproveitar um mau atraso de um adversário para bisar no jogo, e ficar a apenas um golo de Jonas e Jackson no topo da lista dos marcadores.

Ficou uma arbitragem deplorável, e ficou um nome que ficamos a conhecer: Vítor Bruno. Quis conhecer melhor e fiquei a saber que é de Vila do Conde e fez a formação no FC Porto!

 No meio disto tudo ainda faltam 3 pontos. Ou já só faltam 3 pontos?

 

 

 

 

 

Pragmatismo e nota artística

Por Eduardo Louro

 

 

Esperávamos ansiosamente por Janeiro, como aqui tenho repetidamente dito. Não por eventuais aquisições, muito menos pelas saídas esperadas (Enzo, que já lá está, feliz, como se vê, e até já jogou e ganhou ao Real Madrid) ou inesperadas (a saída de Gaitan é uma ameaça constante até ao final do mês), mas porque é a altura da época em que, já com os motores bem aquecidos, o Benfica de Jorge Jesus tem disparado para as grandes exibições.

Afinal, desta vez, com a chegada de Janeiro veio o primeiro balde de água fria. Gelada. Não, não foi o jogo de hoje, com o Penafiel. Foi a declaração do presidente Luís Filipe Vieira, numa entrevista a um jornal desportivo, segundo a qual, a partir de agora ... acabou-se a nota artística… Que o Benfica vai ter que ganhar, mas sem nota artística!

Foi a olhar para estes dois extremos opostos – a fé no boom de Janeiro, e o cair na real do presidente – que hoje olhamos para o jogo do Benfica, hoje em Penafiel. E na maior parte do jogo o que vimos foi mesmo o Benfica anunciado pelo presidente a que, depois, ouvimos chamar pragmático. Um estranho pragmatismo, quando pela frente estava uma das muitas fracas equipas deste nosso campeonato…

Depois, nos últimos 25 minutos, já se viram algumas coisas dignas de alguma nota artística. O Benfica dominou e controlou o jogo em absoluto e acrescentou mais dois golos ao resultado. Mas aí já o Penafiel estava a jogar com menos um, por expulsão de um jogador tão conhecido por deixar a pele em campo como por arrancar a dos adversários.

Com mais ou menos nota artística, com mais ou menos pragmatismo, o Benfica ganhou bem um jogo que, mais golo menos golo, não poderia ter outro desfecho. O Penafiel fez dois remates em todo o jogo!

E como o Benfica já não está na Taça, o capitão Maxi lá levou com o quinto amarelo. E, ao contrário do Nani, lá se foi o pragmatismo e escapou ao vermelho… para ficar de fora no próximo jogo. Que é com o terceiro, o Guimarães!

Acompanhe-nos

Pesquisar

 

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D

Mais sobre mim

foto do autor

Google Analytics