Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Quinta Emenda

Tenho o direito de ficar calado. Mas não fico!

Quinta Emenda

Tenho o direito de ficar calado. Mas não fico!

Pontal sem ponta por onde se lhe pegue

Por Eduardo Louro

 

O discurso do Pontal de Pedro Passos Coelho, de hoje, teve quase tudo menos o que deveria ter. A começar pelo mais importante: honestidade intelectual. Mas também coerência e rigor!

Dir-me-ão que não é isso que se espera no Pontal e, por muito que me custe, terei de concordar. Pois, mas faltou-lhe também o que, no Pontal, mais se espera: entusiasmo, mobilização e festa!

O momento político era propício a uma grande festa, mas ela não apareceu.

No resto, no que realmente importa, uma enorme falta de honestidade intelectual e uma incorrigível propensão para a manipulação – muitas vezes chocante - da realidade. Só isso explica que os principais riscos que o país actualmente corre sejam a evolução da economia europeia, a execução orçamental e o Tribunal Constitucional. Se a evocação do primeiro serve apenas para aligeirar responsabilidades, e a do segundo para valorizar o óbvio, já a do terceiro não passa de mais uma inaceitável pressão sobre o Tribunal Constitucional. Que apenas confirma que Passos Coelho vive aterrorizado com a elementar obrigação de cumprir a Constituição!

 

PONTAL

Por Eduardo Louro

                                                                      

Foi dado o pontapé de saída na rentré política: aconteceu na (ainda) capital de Verão do país e esteve a cargo de Passos Coelho. Não já no pinhal, nem no calçadão, mas numa sala fechada da mesma Quarteira, porque os protestos impõem um certo resguardo ao primeiro-ministro. Resguardo e segurança – muita segurança, como se vê em Manta Rota!

E do Pontal que já não é no Pontal, e do discurso que já não é para o povão laranja mas para o povão verde e vermelho, nada sobre o Orçamento que aí vem e que, não fossem as férias, estaria a deixar o país em suspenso. Isso era o que exigiam os media, mas o discurso tem o povão como destinatário. Como exigem os seus ideólogos!

Se para o orçamento ainda não há solução, para a crise já há: 2013 será o ano da inversão. A tal que ainda há pouco o ministro das finanças garantia para este ano!

É uma das novidades do discurso: não é lá grande coisa, mas é uma novidade!

A outra é que afinal Passos Coelho já não quer que se lixem as eleições, como bem desconfiávamos. Só quer que se lixem as próximas autárquicas. E as europeias. Porque, as legislativas, quer ganhá-las! Quer continuar a obra - que diz já estar a meio quando ainda só cumpriu um quarto do mandato - para além destes quatro anos.

Mas, com tamanha produtividade, não se percebe bem a necessidade de mais quatro anos!

 

Acompanhe-nos

Pesquisar

 

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D

Mais sobre mim

foto do autor

Google Analytics